Tratam-se da ampliação dos sistemas Caçamba e Canafístula e do desassoreamento das barragens Carangueja e Caranguejinha, que atendem a Palmeira dos Índios e Quebrangulo, respectivamente.

 

Durante a solenidade, que contou com as presenças do governador Renan Filho, do senador Renan Calheiros, do prefeito Júlio Cezar e de deputados estaduais, federal e vereadores, o presidente da Casal, Clécio Falcão, destacou que a Prefeitura de Palmeira dos Índios foi a primeira a regularizar seus débitos com a companhia. Ele também explicou detalhes técnicos sobre as três obras realizadas.

“Na barragem Carangueja, a captação agora é feita por flutuantes. Antes era por uma coluna que pegava água no fundo da barragem. Já com a transposição das águas da barragem Caçamba para a Carangueja, garantimos mais segurança hídrica para Palmeira”, detalhou Falcão.

“Por outro lado, a partir de agora estamos abastecendo Canafístula, que fica em Palmeira, com água da barragem do Bálsamo, que abastece o sistema Estrela-Minador. Com isso, temos uma ‘folga’ maior para abastecer Palmeira, tendo em vista que a água da cidade não será dividia para Canafístula”, emendou o presidente da Casal.

Ele também citou outra obra da companhia e do Governo do Estado para beneficiar os moradores de Palmeira dos Índios. “Estamos com um projeto pronto para licitar a ampliação e melhoria da Estação de Tratamento de Água (ETA) de Palmeira. Dessa forma, vamos aumentar o fornecimento do líquido para a população”, ressaltou. Essas obras devem começar já em setembro desse ano e a previsão é que sejam concluídas até dezembro. O investimento previsto é de R$ 4 milhões.

Em sua fala, o prefeito do município, Júlio Cezar, reforçou o compromisso de sua gestão com a companhia e agradeceu pelo apoio da empresa estadual durante o período de estiagem. “Vamos pagar a dívida com a Casal que passa de R$ 20 milhões. Também lembramos que a seca só não foi pior porque a Casal socorreu a gente”, reforçou o gestor.

Os vice-presidentes de Gestão Operacional, Francisco Beltrão, e de Gestão de Serviços de Engenharia, Osmar Lisboa, além do superintendente de Negócio do Interior, Eduardo Henrique, e do gerente da Unidade de Negócio Serrana, Joaquim Oliveira, também participaram da solenidade.