Paul Gascoigne, outra vítima do álcool

020. escandalos futbol (3).jpg

O astro inglês foi protagonista de vários escândalos fora do âmbito esportivo por causa do seu vício. Em 2016, ele foi visto saindo de um táxi de roupão, sem roupa íntima e com um cigarro na boca. Hoje sofre recorrentemente a visita da polícia à sua casa por distúrbios.

O dia em que Ronaldo levou três prostitutas para o hotel

Ronaldo (1).jpg

Um dos atos mais polêmicos de Ronaldo foi quando vazou que ele tinha ido a um hotel com três prostitutas. A noite para Ronaldo começou quando levou uma destas mulheres para um hotel. Não satisfeito com isso, chamou pelo telefone do quarto mais duas prostitutas para participarem da festa.

Maradona e seus problemas com a cocaína

Maradona y (1).jpg
Um dos escândalos mais retumbantes de Maradona foi quando seus problemas com a cocaína se tornaram conheceram. Ele reconheceu que seu problema com as drogas começou aos 24 anos, quando estava em Barcelona, e que foi o maior erro de sua vida.

Franz Beckenbauer acusado de fraude

Franz Beckenbauer (2).jpg

A justiça investigou o ex-zagueiro da seleção alemã por supostas fraudes e subornos para a Copa do Mundo da Alemanha em 2006. O ex-dirigente da FIFA está sendo investigado pelo país suíço por causa de duas transferências de 10 milhões de francos suíços que foram feitas a partir de uma conta bancária em nome do alemão.

Vagner Love foi escrachado em fotos de uma orgia

Vagner Love (1).jpg

O ex-atacante do Lyon da França se viu envolvido em um escândalo com a atriz pornô Pamela Butt. As imagens denotavam uma orgia com o atacante brasileiro que na ocasião jogava no CSKA de Moscou. Esses tipos de situações que fizeram parte da vida de Vagner deram a ele o apelido de “Love“.

Mohamed Bin Hammam

Mohamed Bin Hammam

O ex-presidente da Confederação Asiática de Futebol pagou até 3,6 milhões para 30 membros da FIFA para garantir o voto favorável à candidatura do Catar para a Copa do Mundo de 2022. Um fato tão detestável como verdadeiro. Depois disso, Bin Hammam, de 62 anos, decidiu retirar a sua candidatura a presidente da entidade que rege o futebol mundial.

Alemanha – Áustria “combinaram” o empate

Alemania y Austria España 82 empate pactado (1).jpg

Foi chamada de “a partida da vergonha na Copa do Mundo de 1982. As equipes se enfrentaram na última partida da fase de grupos e os alemães precisavam de uma vitória para permanecer na disputa, enquanto os austríacos não podiam perder por mais do que um gol. Alemanha venceu por 1 a 0 e ambas as equipes chegaram ao seu objetivo. Depois desse único gol nenhuma das equipes chutou em direção ao gol, um verdadeiro constrangimento que mais tarde foi confirmado pelos jogadores.

Robert Hoyzer, o árbitro alemão envolvido com a máfia croata

Robert Hoyzer arbitro aleman (1).jpg

Ele é ligado a 23 partidas que foram manipuladas com o seu colega Dominik Marks. Hoyzer estava envolvido com os irmãos Ante, Milan e Filip Sapina, os membros da máfia croatas que comprava árbitros e jogadores para ganhar dinheiro através de apostas desportivas. Por causa disso, esteve 2 anos e 5 meses preso como também foi expulso da equipe de arbitragem e banido para sempre.