31 ago, 2018
Collor vai retomar obras do Canal do Sertão em ritmo acelerado

No Sertão, Collor afirma que vai retomar obras do Canal

 Por Assessoria | Portal Gazetaweb.com   

FOTO: Divulgação

Com a autoridade de quem iniciou o Canal do Sertão, o candidato ao governo de Alagoas, Fernando Collor (PTC), garantiu nesta quinta-feira (30), que vai retomar, de forma acelerada, as obras no local, além de criar um projeto que vai fortalecer a agricultura familiar às margens da maior obra hídrica do estado. Ele também defendeu a revitalização do Rio São Francisco. A caravana democrática da coligação Alagoas com o Povo segue sua jornada pelo Sertão até esta sexta-feira (31) e vem recebendo o apoio da população por onde passa.

Collor lembrou que o início das obras do Canal do Sertão foi resultado direto do seu trabalho como presidente da República. O candidato ao governo de Alagoas ainda afirmou que a construção de diversos quilômetros se deu, também, após ele apresentar, ao então presidente Lula, o pedido de inclusão do projeto no Programa de Aceleração de Crescimento (PAC), quando, na ocasião, foram garantidos mais de R$ 400 milhões.

“Meu compromisso com o Sertão de Alagoas é histórico. Quando fizemos Xingó,  enfrentamos o desejo dos poderosos de realizar a obra no Sul do país. À época, foram gerados mais de 60 mil empregos. Uma prosperidade nunca vista na região. Como exemplo deste compromisso com o sertanejo, vamos retomar as obras do Canal do Sertão e, finalmente, concluí-las. Hoje, estão quase paralisadas”, afirmou.

Para assegurar os investimentos necessários ao andamento e conclusão da obra, Collor apontou para o livre trânsito que tem nos Ministérios em Brasília, governo federal, além da relação diplomática que exerce com os líderes e chefes de estados de diversos países. O candidato ao governo defendeu, ainda, que as margens do Canal do Sertão tenham seu potencial utilizado para a agricultura familiar acentuada, ofertando capacitação e auxílio para os agricultores.

“O Canal do Sertão cumprirá sua grande função econômica e social no Semiárido alagoano. Através de amplo projeto de aproveitamento de suas potencialidades, realizaremos o cultivo irrigado por módulos de agricultura familiar, com potencial de até 10 mil hectares. A ideia é aumentar a renda e melhorar as condições de vida para milhares de irmãos sertanejos”.

Leave a comment

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>