13 mar, 2019
Polícia divulga nome dos assassinos que mataram 8 em escola de Suzano

Geral xfotos-vitimas-suzano_jpg_pagespeed_ic_aW09knVi3S201903131359_2c9f4a7e60

Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 anos, invadiram escola em SP

TNM/Por Redação com G1   
FOTO: Arquivo pessoal

uiz Henrique de Castro (esquerda) e Guilherme Taucci Monteiro (direita), assassinos de Suzano

A polícia divulgou os nomes dos assassinos que mataram 8 pessoas, sendo 4 adolescentes, na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, na Região Metropolitana de São Paulo.

São eles: Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 anos. Os dois cometeram suicídio em seguida. Castro completaria 26 anos no próximo sábado.

O ataque ocorreu por volta das 9h30 desta quarta-feira (13). Quatro dos mortos no local são alunos do ensino médio. Outros dois adolescentes foram socorridos, mas morreram no hospital. Duas das vítimas são funcionárias da escola.

Ataque

Os autores do crime chegaram à escola em um carro branco, que foi alugado por um dos assassinados. Eles entraram pela porta da escola, que estava aberta (veja no vídeo abaixo).

“Eles ingressaram na escola, atiraram na coordenadora pedagógica, atiraram numa outra funcionária. Estava na hora do lanche, eles se dirigiram ao pátio, atiraram em mais quatro alunos do ensino médio. Nesse horário, só havia alunos do ensino médio, e [os autores do ataque] dirigiram-se ao centro de línguas. Os alunos do centro de línguas se fecharam na sala com a professora e eles [criminosos] se suicidaram no corredor”, disse o coronel Marcelo Salles, comandante-geral da PM.

O coronel Salles afirmou que, antes de entrar na escola, os criminosos balearam um homem em um lava-rápido próximo à escola. Ele passa por cirurgia na Santa Casa de Suzano e está em estado gravíssimo.

Ataque a tiros deixa ao menos dez mortos em escola de Suzano, na Grande São Paulo

Dois homens entraram atirando no colégio; pelo menos 16 pessoas ficaram feridas
Imagens registradas de dentro da Escola Estadual Raul Brasil após o ataque Foto: Reprodução

Imagens registradas de dentro da Escola Estadual Raul Brasil após o ataque Foto: Reprodução

SÃO PAULO — Um colégio estadual de Suzano, na Grande São Paulo, foi palco de uma tragédia na manhã desta quarta-feira. Depois de matar o dono de uma locadora e roubar um carro, dois atiradores invadiram a Escola Estadual Raul Brasil , no Jardim Imperador, e abriram fogo a esmo no horário do intervalo. No colégio, eles mataram cinco estudantes, duas funcionárias do colégio e depois morreram.

Os atiradores são ex-alunos da escola e foram identificados pela polícia como Guilherme Tauci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 anos. Inicialmente, a polícia divulgou que a dupla havia se suicidado. Durante a tarde, porém, o comandante geral da PM, coronel Marcelo Vieira Salles, afirmou que só podia dizer que foram ouvidos dois tiros antes que eles caíssem.

O ataque deixou ao menos 16 feridos, que foram encaminhados para dois hospitais da região e para o Hospital das Clínicas, na capital paulista. Às 15h, o governo do estado informou que ainda havia oito pessoas internadas.

Os atiradores se envolveram em outro crime antes de invadirem a escola. Por volta das 9h, dois atiradores entraram em uma concessionária de carros que fica na vizinhança, a Jorginhos Veículos.

Segundo testemunhas, eles perguntaram pelo nome do dono do estabelecimento e, quando o homem se apresentou, deram três disparos. Na sequência, foram de carro até o colégio, distante cerca de 500 metros. A vítima está internada.

Imagens de câmera de segurança de um casa que fica na rua do colégio mostram os atiradores descendo de um carro branco. Minutos depois, o vídeo mostra dezenas de estudantes pulando o muro do colégio para fugir.

Segundo o comandante geral da PM, coronel Marcelo Vieira Salles, além de um revólver 38, os assassinos portavam arco e flechas, uma machadinha, coquetel molotov e artefatos explosivos.

— Ao entrar na escola, eles atiraram numa coordenadora pedagógica, numa outra funcionária e em mais quatro alunos do ensino médio. Em seguida, dirigiram-se ao centro de línguas, onde os alunos se fecharam na sala de aula. Os dois homicidas então se suicidaram no corredor — afirmou o policial.

Imagens divulgadas pelas redes sociais mostram que um dos atiradores usava um capuz com o desenho de uma caveira, vestia camiseta e calça pretas e luvas na mão direita.

  • Biquíni Aviador Turquesa Biquíni modelo aviador na cor Azul Turquesa, com…

    R$ 229

  • Biquíni High Branco Biquíni com top faixa ( não possui bojo) e…

    R$ 229

  • pajaris.com.br

    Biquíni Aviador Preto Biquíni modelo aviador na cor Clássica Preta, com…

    R$ 229

  • pajaris.com.br

    Biquíni Kaili Preto Biquíni com top faixa + bojo removível.A Calcinha…

    R$ 249

  • pajaris.com.br

    Biquíni Moon Geo Biquíni calcinha ripple com regulagem no top e bojo…

    R$ 229

  • pajaris.com.br

    Body Naked Marinho Drapê Body cavado na cor Azul Marinho Drapê…

    R$ 299

  • Biquíni Aviador Kim Lilac Biquíni Aviador Kim, a calcinha é estilo…

    R$ 229

Leave a comment

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>