18 mai, 2019
Prefeitura expõe avanços no tratamento de resíduos no aterro sanitário de Maceió

Aterro-Sanitario-Apresentacao-do-Centro-de-Tratamento-de-Residuos-Foto-Marco-AntonioSecom-Maceio-e1558128930569-1024x576

Tratamento diário de 1,5 mil tonelada de resíduos sólidos foi exposto aos órgãos fiscalizadores

Lixo e tecnologia

TNM/Redação

Prefeitura expõe avanços no tratamento de resíduos no aterro sanitário de Maceió

Apresentação do Centro de Tratamento de Resíduos no aterro sanitário de Maceió Foto: Marco Antônio/Secom Maceió

Uma visita técnica ao aterro sanitário organizada pela Prefeitura de Maceió (AL), nesta sexta-feira (17), apresentou os avanços na gestão e controle ambiental do Centro de Tratamento de Resíduos (CTR) da capital, situado no bairro do Benedito Bentes. A apresentação foi feita por Daniel Sanchez, técnico da Estre Ambiental, empresa responsável pelo gerenciamento e funcionamento do CTR, por meio de concessão em contrato com o Município, no período de 20 anos.

Para Gustavo Acioli Torres, titular da Superintendência de Limpeza Urbana de Maceió (Slum), órgão responsável pelo acompanhamento do contrato de concessão do CTR, os números mostram um balanço positivo. “Desde o início da gestão, a empresa tem evoluído muito no que diz respeito ao tratamento de resíduos sólidos gerados em Maceió. Nós temos um grande equipamento aqui na cidade. Estamos apresentando a todos os órgãos de fiscalização, para que conheçam a operação que é feita e para que a gente possa ampliar os serviços, trazendo mais benefícios ambientais para nossa capital”, afirmou.

“O CTR recebe diariamente 1,5 mil tonelada de resíduos, sendo mil somente de resíduos domiciliares, e tudo é descartado em uma célula impermeabilizada. Desta célula, por conta do armazenamento do resíduo, saem o chorume e gases. O chorume é direcionado para uma central de tratamento, que fica no próprio CTR, e passa por uma série de procedimentos avançados. Os técnicos estão monitoramento e realizando estudos para que este material seja reutilizado em irrigação e abastecimento de carros pipa. Já em relação aos gases, há estudos avançados para o reaproveitamento energético”, destacou Torres.

A secretária municipal de Desenvolvimento Territorial e Meio Ambiente, Rosa Tenório, também esteve presente e ressaltou a importância do CTR.

“Um equipamento ambiental importantíssimo para a cidade, um dos mais modernos do país. Com tecnologia de ponta para tratamento do chorume, que é a chamada nano tecnologia. E hoje estamos aqui com todos os órgãos de fiscalização e controle do nosso estado. A ideia é que todos vejam e conheçam esse equipamento importante para qualquer cidade, que trata todos os resíduos gerados em Maceió”, frisou.

Daniel Sanchez, gerente da Estre Ambiental, fala sobre a ação. “Este é um evento organizado pela Slum. Convidando os principais órgãos de controle, órgãos ambientais do estado e de Maceió para conhecer um pouco mais do CTR, da atividade desenvolvida e a tecnologia utilizada. A ideia é que todos conheçam um pouco mais da realidade do CTR Maceió. Este é um espaço que respeita todas as normas internacionais e nacionais de controle ambiental e, além de tudo, tem um impacto social positivo gerando mais de 100 empregos diretos”, comentou.

Estiveram presentes secretários e titulares de órgãos municipais, além de representantes dos Ministérios Públicos Estadual (MP/AL) e de Contas (MPC/AL) , Tribunal de Contas (TCE/AL), Conselho Municipal de Proteção ao Meio Ambiente (Compram) e Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Alagoas (ABIH). (Com informações da Secom Maceió)

Leave a comment

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>