15 out, 2019
Ação no Supremo não incrimina Collor

Resultado de imagem para fotos da Equipe econômica libera R$ 2,16 bilhões para emendas parlamentares impositivas

Blog do Mousinho

Juristas que se debruçaram sobre a ação cautelar no Supremo Tribunal Federal, chegaram à conclusão que na peça enviada ao STF pelo Ministério Público, não tem nada que possa comprometer o senador Fernando Collor.

A denúncias faz apenas ilações e suposições, mas em nenhum momento haja alguma coisa concreta na possibilidade de uma participação do…

Juristas que se debruçaram sobre a ação cautelar no Supremo Tribunal Federal, chegaram à conclusão que na peça enviada ao STF pelo Ministério Público, não tem nada que possa comprometer o senador Fernando Collor. A denúncias faz apenas ilações e suposições, mas em nenhum momento haja alguma coisa concreta na possibilidade de uma participação do senador na compra de imóveis supostamente com dinheiro ilícito. Para especialistas na área, não se vê, na peça processual, qualquer indicativo de participação do senador, mas apenas citações condicionantes, o que não se traduz em provas.

Collor, na tribuna do Senado, foi incisivo. Ele se diz vítima da violência com a invasão de sua residência e assegurou que está tranquilo com as buscas realizadas na sua residência. Eles saíram de mãos vazias, disse o senador sobre a ação da Polícia Federal. Já Tarso de Lima Sarmento e Fábio Luiz Araújo Lopes de Farias Filho vão ter que explicar direitinho sobre o empreendimento Vila dos Pescadores, em São Miguel dos Milagres e, no caso do primeiro, a compra de imóveis milionários sem lastro financeiro.

Todas as postagens são de inteira responsabilidade do blogueiro.

Leave a comment

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>