7 jan, 2020
Centrão reclama de “falta de interesse” do governo na articulação

Arthur Lira busca 227 votos contra Maia, mas nega articular oposição a Bolsonaro
Um dos líderes do grupo, Arthur Lira (PP-AL) sequer foi convidado para um cafezinho em todo o ano passado

TNM/Redação

Um dos líderes do grupo, Arthur Lira (PP-AL) sequer foi convidado para um cafezinho em todo o ano passado. Foto: Antonio Augusto/Câmara dos Deputados

Parlamentares do “centrão”, acostumados a serem fiel da balança das votações no Congresso desde o impeachment da petista Dilma, reclamam da “falta de interesse” do governo Bolsonaro em negociar com as lideranças do Congresso.

Importante líder do grupo revelou que pedidos de deputados e senadores são ignorados com frequência, além dos muitos telefonemas que nem sequer são respondidos.

A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.
Uma das maiores reclamações de parlamentares do centrão são os chás de cadeira.

Autoridades não são acostumadas a esperar.
Durante todo o primeiro ano de governo, Bolsonaro nunca convidou o líder do PP, Arthur Lira (AL), para tomar um café, por exemplo.

NotíciasRelacionadas
Residência oficial de Senado vira casa de veraneio
Churrasqueira nova

Parlamentares agora tratam com os principais ministros do governo, responsáveis por articular votações de projetos das próprias pastas.

Leave a comment

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>