Após pronunciamento do presidente, governador diz que medidas preventivas serão mantidas em AL

Renan Filho, utilizou as redes sociais para informar que vai manter as medidas preventivas no estado alagoano.

Alagoas

Renan Filho, utilizou as redes sociais para informar que vai manter as medidas preventivas no estado alagoano.

TNM/Redação Agência Alagoas TNH1

O presidente da República, Jair Bolsonaro, fez um pronunciamento à nação na noite da última terça-feira (24), e pediu o fim do confinamento em massa e a volta à normalidade. Logo em seguida, o governador de Alagoas, Renan Filho, utilizou as redes sociais para informar que vai manter as medidas preventivas no estado alagoano.

“Alagoanos e alagoanas, como sempre longe de extremismos, quero reafirmar o meu compromisso com o firme propósito de manter as medidas preventivas que vêm sendo adotadas no enfrentamento ao novo coronavírus em nosso estado. Apesar do pronunciamento do presidente da República na noite desta terça-feira (24), que vai de encontro às recomendação da Organização Mundial da Saúde, manteremos com firmeza e serenidade nossas ações, lastreadas em estudos científicos e ouvindo as nossas melhores mentes que estão conosco permanentemente reunidas”, publicou o governador.
“Saibam que a vida de cada alagoano é e sempre será o bem mais precioso. Estamos trabalhando diuturnamente para, de um lado, achatar a curva de contágio do Covid-19; e, do outro, preparar a nossa rede hospitalar para a emergência do momento. É tempo de união. Juntos estaremos e venceremos”, completou.
Mais cedo, em entrevista coletiva por meio da redes sociais, o governador Renan Filho confirmou mais dois novos casos de coronavírus em Alagoas. Com isso, o número de casos confirmados sobui de 8 para 10 no estado. Os dois casos foram identificados em Maceió. Segundo o governador Renan Filho houve crescimento do número de casos suspeitos. Agora são 175 casos sob investigação, além de 104 casos descartados.

Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Veja também: