Obama iniciará viagens para dar impulso final a Biden

O ex-presidente dos EUA Barack Obama deve visitar uma série de estados nas próximas duas semanas para dar um impulso final à candidatura de seu ex-vice, o democrata Joe Biden, que desafia o republicano Donald Trump na corrida pela Casa Branca.
Joe Biden e Barack Obama na Casa Branca em novembro de 2015
06/11/2015 REUTERS/Jonathan Ernst
Joe Biden e Barack Obama na Casa Branca em novembro de 2015 06/11/2015 REUTERS/Jonathan Ernst

Foto: Reuters

O ex-presidente dos EUA Barack Obama deve visitar uma série de estados nas próximas duas semanas para dar um impulso final à candidatura de seu ex-vice, o democrata Joe Biden, que desafia o republicano Donald Trump na corrida pela Casa Branca.

SAIBA MAIS

Segundo a rede CNN, o ex-mandatário dedicará a última quinzena de campanha a visitar estados onde a votação já está em curso, como Flórida, Carolina do Norte e Wisconsin, que foram decisivos para a vitória de Trump em 2016.

O objetivo é usar a popularidade de Obama para mobilizar o eleitorado jovem, negro e latino e garantir que a vantagem de Biden nas pesquisas se traduza em votos nas urnas. Ainda segundo a CNN, aparições conjuntas do candidato e do ex-presidente devem ocorrer apenas nos últimos dias de campanha.

De acordo com a média das sondagens calculada pelo site Real Clear Politics, Biden tem uma vantagem de 9,8 pontos sobre Trump em âmbito nacional e lidera nos seis estados onde o republicano derrotou Hillary Clinton por menos de quatro pontos em 2016: Arizona (+2,7 pontos em favor do ex-vice de Obama), Carolina do Norte (+3,2), Flórida (+3,7), Michigan (+7,2), Pensilvânia (+7,0) e Wisconsin (+6,3). .

Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Veja também: