Emater lança programa que beneficiará cerca de duas mil famílias no Baixo São Francisco

O evento ocorreu na manhã desta segunda-feira (26), na Quadra de Esportes René Bertholet, na Colônia Pindorama, localizada no município de Coruripe.

TNM/Agência Alagoas Divulgação

Com R$ 1.350.000 investidos na Supervisão Regional do Baixo São Francisco, o Instituto de Inovação para o Desenvolvimento Rural Sustentável (Emater) lançou a última etapa do Programa de Aquisição de Alimentos 2020 (PAA), para beneficiar os agricultores familiares e suas organizações.

O evento ocorreu na manhã desta segunda-feira (26), na Quadra de Esportes René Bertholet, na Colônia Pindorama, localizada no município de Coruripe.

Para selar o termo de compromisso com os agricultores das unidades recebedoras, estiveram presentes o diretor-presidente da Emater, Adalberon Sá Júnior, o secretário de Estado da Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura de Alagoas, João Lessa, e o deputado federal por Alagoas, Marx Beltrão.

Ao todo, serão 10 municípios beneficiados na região, 53 unidades recebedoras, 250 agricultores familiares e cerca de duas mil famílias.

Em seu discurso, Adalberon Sá Júnior, enalteceu a parceria com os municípios e agradeceu aos secretários municipais de agricultura da região. “As famílias vão receber esse alimento para superar uma condição de insegurança alimentar, sobretudo aquelas que estão com insegurança moderada e grave. O programa é muito completo porque valoriza o agricultor, traz o recurso para circular na região e entrega o alimento para quem mais precisa”.

O PAA vem contribuindo para a melhoria de renda com inclusão produtiva, por meio da ampliação da atuação dos agricultores familiares e de suas organizações, integrando as ações de produção, beneficiando e agregando valor para o acesso aos mercados comuns e compras públicas.

Os recursos foram distribuídos da seguinte maneira: R$ 486 mil para Coruripe, onde serão atendidas cerca de 750 famílias; R$ 162 mil para [cada] São Sebastião (250 famílias) e Penedo (250 famílias); R$ 135 mil para Teotônio Vilela, com 175 famílias atendidas; R$ 118.800 para Junqueiro, com 150 famílias; R$ 108 mil para Igreja Nova, também com 150 famílias; R$ 86.400 para Porto Real do Colégio, com 125 famílias; R$ 48.600 para Piaçabuçu, com 50 famílias; R$ 27 mil para Feliz Deserto, com 50 famílias; e R$ 16.200 para Jequiá da Praia, também com 50 famílias.

Programa de Aquisição de Alimentos 2020

Ao todo, serão investidos R$ 9,8 milhões nesta primeira fase por meio de uma parceria entre o Ministério da Cidadania e o governo de Alagoas [via Emater], para beneficiar 100 mil famílias, 1.800 agricultores familiares, 232 unidades recebedoras, em 83 municípios alagoanos.

Entre as cadeias produtivas estão a fruticultura, horticultura, grãos, raízes, tubérculos e avicultura.

Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Veja também: